Livro Yvy Porã Porau na 60ª Feira do Livro de Porto Alegre

1/11-  Yvy Porã Porau e o Rio de Mel
LANÇAMENTO E AUTÓGRAFOS
Praça de Autógrafos
Praça de Autógrafos, com Dane D’Angeli

Encanto
MESA TEMÁTICA INDÍGENA – Conhecer para respeitar, com a participação de professores e educadores da área.
Ciclo “A Hora do Educador”, Câmara Estadual do Livro

Texto de Daniel Munduruku:
 “As escolas tem que ficar muito atentas para que não se deixem enganar por uma data comemorativa como a de 19 de abril. E que, ao tratar a data, achem que estão fazendo um bem para as crianças. Não estão. As escolas precisam lidar com a diferença, com a diversidade. O índio que se comemora no dia 19 é o índio do século XVI, aquele índio que foi encontrado pelos europeus. Nós vivemos uma sociedade muito mais múltipla hoje em dia, e as populações indígenas estão presentes.
Coordenação da Mesa: Ângela Hofmann

A gente consegue encontrar esses indígenas participando do Brasil de uma forma muito efetiva, seja através do cinema, da TV, seja fazendo e produzindo filmes, seja criando sites na internet específicos da temática indígena. Ou através da literatura que tem sido a área que tenho me dedicado mais. Poder trazer para as crianças da cidade as histórias que os nossos povos contam, numa tentativa de aproximação. A gente entende que a literatura é um instrumento importante para conhecer o outro também. E esse outro que as escolas precisam conhecer está presente, é um ser atuante dentro da sociedade. 

Convidados da Mesa: Dane D’Angeli, Ângela Hofmann,
Cidara Loguercio (Museu da UFRGS), Augusta de Oliveira
(UFRGS), Claudete da Silva Xokleng, Ana Tettamanzy (UFRGS)
Pensar esse índio como um ser atuante é de fundamental importância pra gente crescer como um país efetivamente cidadão, efetivamente democrático, efetivamente humano. É preciso que o Brasil entenda todas essas formas de ser humano que os povos indígenas trazem e apresentam hoje no nosso cotidiano.”

 (Daniel Munduruku)

9/11- DOMINGOS DE CRIAÇÃO – 
Contação da história em canto, movimento e interação.

Ocupando os espaços da feira

Integrando sua preciosidade

 

Cantando a Terra da Boa Generosidade.

Livro Yvy Porã Porau na 60ª Feira do Livro de Porto Alegre
Rolar para o topo